O Nascimento do Elias (2015) e Noa (2020) (Pais Vania e Raphael)

(ao som de Sabemos Parir – Roza Zaragoza)

Eu e o meu marido unimos as nossas vidas com a sentença de que não poderíamos ser pais e que se engravidasse não poderia ter um parto normal.

Apesar disso, fomos abençoados com o primeiro fruto do nosso amor – Elias, depois de uma gestação em stress, num parto (uma semana depois de conhecermos a Enf. Sonia), com menos de 24h desde que saiu o tampão mucoso até que conhecemos o nosso bonequinho, 12h de fase activa.

Foi um momento em que a minha cara metade me acompanhou de forma maravilhosa e forte, onde procurei orientações da equipa da Razão d’Ser.

Um parto de muitas lágrimas, vômitos e extremo cansaço, um parto sem dores, em que me senti respeitada no tempo que precisei, apesar de insegura… Uma fase de expulsivo longa, onde a “cadeira” mais confortável era a sanita. E que depois, já deitada na cama e me sugerirem ir para o hospital, precisei de tomar a decisão de ir dentro, encontrar-me comigo e com o nosso pequeno, e transformar aquele momento no parto humanizado no nosso lar.  Como foi bom segurar o nosso bonequinho… Foi o realizar de um sonho!

Cinco anos e duas perdas gestacionais, depois, mesmo antes da notícia da gravidez já tínhamos decidido o acompanhamento com a Enf. Sônia. A nossa Razão d’Ser aumentou.

Uma gestação em que me preparei para um parto prazeroso, e um pós parto planeado, foi um parto de 40h desde que começou a sair mais tampão mucoso até ao nascimento, 6h de fase ativa. Senti-me muito mais conectada com o meu corpo, emponderada e os desafios foram a sensação de união, a fé e o encaixe… Tive o apoio do meu filho mais velho nas contrações de gatas a fazer de tigre bebê e receber carinho, a Alexandrina Amiga inteira que em cada abraço representou para mim todas as as minhas companheiras de viagem e Mulheres maravilhosas da Terra, a confiança e orientação da Enf. Sónia da posição de “gata assanhada” às 27h para melhor encaixe, a presença e frase chave do meu marido às 31h  “estamos juntos. Não estás sozinha”… Estive presente e senti-me abraçada em cada segundo… A fase expulsiva, explosiva, foi rápida, uma força dentro de mim que saia… Sinto o parto como um portal de Fogo e Terra! Foi um parto de lótus que terminou para mim 3dias depois e senti-me serena, respeitosa e livre. Foi um novo início para a nossa nova família!

O pós parto fica mais leve quando fazemos a travessia conscientes, o resguardo é uma doce oportunidade para continuar a Ser. O cuidado e a educação positiva e consciente continuam este Belo trabalho.

Aprendemos neste caminhar que Tudo é possível na Maternidade/Paternidade, não precisamos ser perfeitos e o acompanhamento da Razão d’Ser deu-nos segurança pela especialização de conhecimento e foco, pelo profissionalismo e cuidado ao mesmo tempo que nos emponderou e nos deixou transformar.

Gratidão profunda! A Tudo e Todos! Desejo enviar este sentimento através um caracol de luz para o meu Marido, o meu filho mais velho, aos meus Pais e Avó, à Alexandrina e Companheiras de viagem, à Enf. Sônia, à Enf. Joana e à Enf. Elisa.

Quer saber mais sobre Parto no Domicílio e/ou Parto na água, marque consulta para acompanhamento contínuo por parteira.